Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Barroso determina quebra de sigilo bancário de Temer

Decisão do ministro do STF abre ainda os dados financeiros de João Baptista Lima Filho, José Yunes e Rodrigo da Rocha Loures, todos ligados ao presidente

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso determinou o afastamento do sigilo bancário do presidente Michel Temer (MDB) no âmbito do inquérito que investiga irregularidades na elaboração da Medida Provisória 595, conhecida como a MP dos Portos, e que mais tarde deu origem ao decreto 9.048. A quebra abrange o período de 1º de janeiro de 2013 a 30 de junho de 2017. É a primeira vez que um presidente no exercício do mandato tem os seus dados financeiros abertos por ordem judicial.

A decisão data do dia 27 de fevereiro. O Banco Central já distribuiu ofício em que comunica a decisão às instituições financeiras e pede providências. O ministro autorizou ainda o levantamento do sigilo bancário de João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, José Yunes, Rodrigo da Rocha Loures   todos ex-assessores do presidente , Antonio Celso Grecco e Ricardo Mesquita, esses últimos, respectivamente, dono e executivo da Rodrimar. Temer é investigado pela suspeita de ter agido para favorecer a empresa no Porto de Santos por meio do texto da MP 595. O presidente nega que tenha cometido qualquer irregularidade.

No mês passado, o então diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, indicou em entrevista que o inquérito dos portos poderia ser arquivado. A declaração resultou em um pedido de explicações por parte de Barroso, relator do caso no STF, e provocou uma crise dentro da corporação, que culminou com a demissão de Segovia na semana passada.

Defesa

Por meio de nota da Secretaria de Imprensa da Presidência da República, Temer informou que não tem nenhuma preocupação em relação à decisão de Barroso e que dará total acesso aos seus dados bancários, inclusive à imprensa.

“O presidente Michel Temer solicitará ao Banco Central os extratos de suas contas bancárias referentes ao período mencionado hoje no despacho do eminente ministro Luís Roberto Barroso. E dará à imprensa total acesso a esses documentos. O presidente não tem nenhuma preocupação com as informações constantes de suas contas bancárias.”

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Cicero Cândido da Silva

    Interessante, nunca quebraram os sigilos de Lula e Dilma, mesmo o Marcelo Odebrecht revelando uma conta propina no exterior no valor de 150 mil dólares para bancar os dois. Sei não, hein, isso me cheira ao calor dos holofotes da imprensa derretendo neurônios e atiçando a fogueira de vaidades, coisas perigosas em um julgador. Como dizia o profeta: -Prudência e caldo de galinha nunca fazem mal a ninguém.

    Curtir

  2. Após a manifestação ruidosa da torcida organizada, vamos parar e pensar. Temer quebrou seu próprio sigilo bancário para a imprensa. Não precisava. Seus dados permaneceriam ao abrigo do sigilo das investigações. Mas o fez, e o fez porque sabe que nada será encontrado. Barroso entrou para a História do Brasil com essa atitude, mas não da forma que planejou. Não defendo Temer, mas Barroso é lamentável.

    Curtir

  3. sinesio gimene

    sou anti politico bandido mas é muito claro o que faz o STF que só tem bandidos defendendo bandidos, olha o Gilmarsao defende os bandidos da direita amigos dele e o Barrosao idem, defendem os bandidos da esquerda , alem de defender e soltar os bandidos da esquerda que ele mesmo já declarou ser do lado de DilmaBandida e Lulaladrao , ataca o Temeroso que tambem é bandidao, sem problemas se ele nao fosse tao bonzinhos com os bandidos da esquerda que vive soltando , bandidos do stf prestando serviços aos politicos bandidos que os colocou no STF de bandidos

    Curtir

  4. Paulo Bandarra

    Parabéns ao Ministro Barroso que não se amedronta por corruptos. Nem todos são Gilmar Mendes que absolveu a Chapa Dilma?Temer por excesso de provas.

    Curtir

  5. Paulo Bandarra

    Todos sabemos que políticos experientes não deixam este tipo de rastra. Mandam entregar para o coronel. Mas não pode deixar de ser feita a verificação.

    Curtir

  6. Marcos Leandro

    cada vez mais fã do Ministro Barroso, por essas e outras ainda tenho esperança de viver em um pais melhor.

    Curtir