Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após explosão, presidiários tentam fugir no Recife

Por Monica Bernardes

Recife – Um grupo de detentos do presídio Aníbal Bruno, localizado no bairro do Sancho, zona oeste do Recife, tentou fugir, na madrugada de ontem, depois que um dos muros da unidade foi parcialmente destruído em uma explosão. De acordo com a direção do presídio, a ação foi executada por integrantes de quadrilhas cujos líderes estariam detidos no local.

A fuga, no entanto, acabou sendo frustrada por policiais que faziam a guarda. A direção da unidade prisional confirmou que estava investigando denúncias sobre uma possível tentativa de fuga e por isso tinha reforçado a segurança.

A explosão aconteceu, de fora para dentro, em um muro localizado próximo a enfermaria do presídio. Com o impacto, uma pessoa ficou ferida, mas sem gravidade.

Algumas casas localizadas no entorno sofreram os efeitos da explosão e tiveram vidros quebrados e rachados. O clima entre os moradores é de preocupação. “Não é a primeira e não vai ser a última vez que algo do tipo acontece. O que nos preocupa é que uma hora destas, um inocente pode se ferir ou até morrer. Eu gostaria muito de sair do bairro, mas não tenho condições. Estou cansada de viver nesta tensão”, reclamou a manicure Adélia Dias.

De acordo com o secretário executivo de Ressocialização, coronel Romero Ribeiro, o caso será investigado através de uma sindicância interna. O Aníbal Bruno é a maior unidade prisional de Pernambuco.