Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Acidente com trens: 25 vítimas seguem internadas

Colisão na noite de segunda-feira deixou 158 pessoas feridas, mas nenhum caso é grave; secretário de Transportes diz que concessionária será multada

Por Da Redação
6 jan 2015, 10h38

Das 158 pessoas internadas no Hospital da Posse, em Nova Iguaçu, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, em decorrência do choque de trens nesta segunda-feira, apenas sete continuam no hospital para realização de exames. Nenhum caso é grave, segundo o hospital. As demais foram liberadas porque os ferimentos são leves. Outras dez pessoas estão no hospital Albert Schweitzer, em Realengo, e oito no Getúlio Vargas, na Penha, na Zona Oeste carioca.

Leia também:

Vítima relata ‘arrastão’ após colisão de trens no Rio

Pacientes levados para o Hospital da Posse reclamaram de lentidão no atendimento durante a noite e a madrugada. “Cheguei à 0h30 e só fui atendida para fazer o raio-X às 4 horas. Tinha muita gente”, disse a balconista Pâmela Ferreira ao canal Globonews. Ela afirma que as vítimas não receberam suporte da Supervia, concessionária que administra o sistema, no local do acidente.

Continua após a publicidade

Passageiros que estavam na composição que seguia em direção a Japeri, município na região metropolitana do Rio de Janeiro, disseram que a colisão foi na traseira de outra composição; outros disseram que o trem apresentava problemas desde a saída da Central do Brasil, como iluminação oscilante.

A Supervia deve receber uma “multa pesada”, disse o secretário estadual de Transportes, Carlos Alberto Osório. “Foi um dia negro na história do sistema ferroviário do Rio.”

Leia mais:

MP do Rio quer suspender alta das tarifas de ônibus

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.