Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Essa homenagem ao Dia do Ginecologista não foi bem recebida pela internet. Entenda

Uma (tentativa) de homenagem ao Dia do Ginecologista, comemorado ontem (30), pela página Santa Casa de Misericórdia de São Lourenço do Sul não foi bem recebida na internet. A imagem parabenizava o profissional com a seguinte frase: “Sabemos que são estritamente profissionais. Mas, mesmo assim, nós invejamos vocês”.   O povo da rede não deixou barato: […]

Uma (tentativa) de homenagem ao Dia do Ginecologista, comemorado ontem (30), pela página Santa Casa de Misericórdia de São Lourenço do Sul não foi bem recebida na internet. A imagem parabenizava o profissional com a seguinte frase:

“Sabemos que são estritamente profissionais. Mas, mesmo assim, nós invejamos vocês”.

post santa casa

 

O povo da rede não deixou barato: pelo Facebook, a imagem se espalhou, acompanhada de duras críticas. Na maioria, os comentários acusavam o hospital de adotar uma posição machista e de falta de profissionalismo. O post, porém, foi apagado sem nenhuma explicação e a página do Facebook foi excluída logo em seguida.

Ao contatar o hospital, o #VirouViral, primeiro, recebeu uma explicação de que o perfil no Facebook da Santa Casa de Misericórdia de São Lourenço do Sul teria sido hackeado. Contudo, logo depois,  a assessoria de imprensa da instituição compartilhou outra versão, essa a oficial: o endereço no qual a imagem foi postada seria um fake, criado por outro indivíduo. Em nota oficial, a entidade ainda afirmou que repudia o conteúdo da mensagem e que já encaminhou o caso às autoridades competentes para investigação.

Alguns usuários, entretanto, questionaram a declaração:

https://www.facebook.com/plugins/comment_embed.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2Fsantacasasls%2Fposts%2F1793337660933480%3Fcomment_id%3D1793352030932043&include_parent=false

https://www.facebook.com/plugins/comment_embed.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2Fsantacasasls%2Fposts%2F1793337660933480%3Fcomment_id%3D1793355527598360&include_parent=false

Para o renomado ginecologista Flávio Zucchi, ouvido por este blog, a questão é sempre delicada pois lida com a ética da profissão. “O médico tem de tomar cuidado, principalmente com a situação emocional da paciente. Afinal, estamos sempre fazendo exames que são invasivos e lidando com questões sensíveis, como doenças sexualmente transmissíveis. É preciso ter ética e respeito pela mulher”, afirmou.

Ou seja, não é piada. Muito menos uma de conteúdo tão duvidoso quanto o da tal “homenagem”.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    genaro lúcio de aguiar aguiar

    tudo precisa ter um mimimi!

    Curtir

  2. Comentado por:

    Marta

    Sou feminista, e digo que se não denunciarmos deste tipo de coisa, nós não teríamos mais nada para fazer, pois nossa função é a de lembrar a mulher é um ser inferior ao homem, e por isso elas não podem deixar de estar ofendidas com alguma coisa. É importante que mulheres de auto estima baixa sintam-se ainda mais inferiores com nossos discursos sobre machismo e como o homem habilmente domina a sociedade em detrimento da nossa liberdade individual.

    Curtir