Clique e assine a partir de 9,90/mês
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

Randy Newman: sátira política e baladas de derreter corações

‘Dark Matter’ é o primeiro disco em nove anos do americano

Por Da Redação - 12 Aug 2017, 06h20

Um dos mestres do cancioneiro americano da segunda metade do século XX, Randy Newman vinha se restringindo ao público infantil. São dele os belos temas de Toy Story, Monstros S/A e Carros, animações da Pixar. Por isso, suas investidas na música adulta são saudadas com merecido entusiasmo. Dark Matter (Nonesuch; disponível em plataformas digitais), o primeiro disco em nove anos, tem as qualidades que o consagraram: piano suingado, roubado de Nova Orleans, sátira política e social (Putin, sobre o presidente russo, e The Great Debate, que ironiza os criacionistas) e uma coleção de blues e baladas que só um melodista de sua categoria consegue produzir. She Chose Me é uma das melhores: consegue derreter o mais gelado dos corações.

Publicidade