Clique e assine a partir de 9,90/mês
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

Biografia de Fagner se concentra nas realizações musicais do cantor

Leitura saborosa, ainda que um tanto celebratória, é o novo trabalho da jornalista Regina Echeverria

Por Redação - 10 maio 2019, 07h00
//Divulgação

(Agir; 440 páginas, 49,90 reais) Era para ser Wagner, em homenagem ao compositor alemão, mas o escrivão não entendeu a pronúncia do pai, libanês de nascimento. E assim foi com o nome Fagner que o compositor cearense com canto de influência moura conquistou seu lugar na MPB. O gênio irascível rendeu-lhe brigas históricas com Belchior e Caetano Veloso — todas bem narradas pela jornalista Regina Echeverria. A biografia, lida e aprovada pelo biografado, passa ao largo da vida íntima para se centrar nas realizações musicais. É um tanto celebratória no final, mas sempre uma leitura saborosa.

Publicidade