Clique e assine com 88% de desconto
VEJA Gente Por João Batista Jr. Notícias, bastidores e conversas de quem é assunto na cultura, na política, nos negócios e em outras rodas

Dony de Nuccio decide não faturar mais com ‘media training’

Gesto ocorre após apresentador quebrar código de ética da Globo ao gravar vídeo para funcionários do Bradesco

Por João Batista Jr. - Atualizado em 29 jul 2019, 15h17 - Publicado em 26 jul 2019, 07h00

Apresentador do Jornal Hoje, Dony de Nuccio gravou um vídeo para divulgação interna entre funcionários do Bradesco e quebrou, assim, o código de ética da Globo. A emissora não autoriza jornalistas a fazer publicidade, e, no vídeo, Nuccio usa o termo “nossos clientes”. O apresentador foi repreendido, mas segue em seu posto. Para afrouxar a saia-justa, decidiu doar o cachê que ganhou do banco a uma entidade assistencial (VEJA perguntou o valor do cachê e o nome da entidade, sem obter resposta). Dentro da Globo, há quem considere que Nuccio foi prejudicado por regras não muito claras. “Não pode fazer propaganda, mas o canal deixa jornalistas darem treinamento a executivos de empresas privadas”, diz um executivo da casa. Nuccio, aliás, até a semana passada fazia parte de uma agência que vendia seus serviços de “media training” por 25 000 reais. Agora, ele afirma não fazer nenhuma atividade fora da Globo.

Publicado em VEJA de 31 de julho de 2019, edição nº 2645

Publicidade