Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Morre Lou Scheimer, cofundador da Filmation

Entre as décadas de 1960 e 1980, a Filmation foi responsável por produzir mais de 70 séries animadas que marcaram a infância de gerações. De As Novas Aventuras do Superman e Viagem Fantástica a He-Man e She-Ra, a Filmation definiu uma linha de produção e se estabeleceu no mercado como uma das gigantes do ramo. Lou […]

LouScheimerEntre as décadas de 1960 e 1980, a Filmation foi responsável por produzir mais de 70 séries animadas que marcaram a infância de gerações. De As Novas Aventuras do Superman e Viagem Fantástica a He-Man e She-Ra, a Filmation definiu uma linha de produção e se estabeleceu no mercado como uma das gigantes do ramo. Lou Scheimer, cofundador da produtora, faleceu no dia 17 de outubro, aos 84 anos de idade, segundo o Pittsburgh Museum of Cartoon Art.

A produtora foi fundada por Scheimer, Hal Sutherland (artista da Disney) e Norm Prescott (locutor de rádio falecido em 2005), em 1962. Scheimer conheceu Sutherland quando trabalhavam na Larry Harmon Pictures. Quando o estúdio fechou, os dois foram trabalhar na produtora True Line, onde conheceram Prescott, um DJ que narrava filmes animados. Juntos, os três decidiram montar sua própria produtora, que recebeu o nome de Filmation Studios.

O primeiro trabalho importante da nova empresa foi Journey Back To Oz, sequência animada do filme O Mágico de Oz, lançado pela MGM em 1939. Mas as dificuldades técnicas e financeiras fizeram com que a produção somente fosse lançada em 1974. Neste meio tempo, para levantar dinheiro rápido, a Filmation começou a produzir animações para a televisão.

Entre comerciais e vinhetas, a produtora também ofereceu algumas séries animadas, que competiam no mercado televisivo com a Hanna-Barbera. A primeira série da produtora foi Superman, versão do herói da DC Comics que estreou em 1966. A boa receptividade da animação levou a DC a oferecer outros heróis para a Filmation, que produziu Aquaman e Batman. Mas o primeiro sucesso da Filmation, a estabelecer a produtora e seu estilo, foi A Turma do Archie, que estreou em 1968.

Ao longo dos anos, a produtora ofereceu séries como Hardy Boys, Sabrina, Fat Albert and the Cosby Kids, Missão Mágica, As Aventuras de Waldo Kitty, Tarzan, Os Sentinelas do Espaço, Conde Quakula, Faísca e Fumaça, Zorro, Super Mouse, Flash Gordon, Blackstar, He-Man, She-Ra e BraveStarr, entre outros. O estúdio também produziu versões animadas de séries de sucesso da época, como The Brady Kids, Meu Marciano Favorito, Lassie, Jornada nas Estrelas e As Novas Aventuras de Gilligan, entre outras. Na década de 1970, a Filmation se aventurou na produção de séries com atores, entre elas, Capitão Marvel, A Poderosa Isis, Ark II, Academia Espacial, Jason o Homem do Espaço e Trio Calafrio/The Ghost Busters.

Lou ScheimerEm 1969, a Filmation foi adquirida pela TelePrompTer Corporation, que em 1981 foi incorporada a Westinghouse Electric Corporation. As atividades da Filmation encerraram em 1989, quando parte de seu catálogo foi vendido.

Além de diretor da empresa, Scheimer também atuou como produtor, diretor, compositor e dublador de várias animações oferecidas pelo estúdio, chegando a ser indicado, juntamente com Norm Prescott ao Daytime Emmy pela produção de Fat Albert and the Cosby Kids e de Jornada nas Estrelas, com a qual ganhou o prêmio.

Após passar por uma cirurgia cardíaca, Scheimer foi diagnosticado com a doença de Parkinson. Ele continuou trabalhando até 2012, prestando assessoria para a Gang of Seven Animation.

Scheimer foi casado duas vezes. Sua primeira esposa foi Jay Scheimer, com quem teve dois filhos, Erika e Lane. Jay morreu em 2009. Em 2010 ele se casou com Maryanne Wucher Scheimer, com quem ainda vivia.

Versão animada de 'Jornada nas Estrelas'

Versão animada de ‘Jornada nas Estrelas/Star Trek’

'Capitão Marvel'

‘Capitão Marvel/Shazam!’

E-D: Jason, o Homem do Espaço/Jason of Star Command e Ark II.

E-D: Trio Calafrio/The Ghost Busters e  A Poderosa Isis/Isis

TrioCalafrio1Isis

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Heron

    Não, meu caro, não se trata de hipocrisia. TRata-se que existem pessoas que discordam de sua opinião quanto à essas séries serem porcarias. Bastaria dizer, NÃO GOSTO, NUNCA GOSTEI E PRONTO, você tería se expressado claramente sem desrespeito. O caso é que você quer impor sua visão, que até aqui ,tem sido muito parecida com a de muitos “intelectuais de seriados”, que parece que só gostam de “hors concours” do entretenimento e tudo abaixo dessa linha peremptóriamente não tem valor. Eu mesmo, podería ter dito, à sua recomendação de “Pinguins de Madagascar” que o desenho dos pinguins não passa de uma chanchada pra retardados que não melhorou em nada o nível da comédia nos desenhos, e com isso nós teríamos aqui uma desnecessária “flame war” declarada. Preferí não fazer isso. E prefiro não me expressar desse modo pois acho muito mais construtivo respeitar os outros e o gosto dos outros. Se você discorda, boa sorte.

    Curtir

  2. Comentado por:

    Alexander Fidelis Divino

    ”Felizmente nem todo mundo concorda com sua visão a respeito das produçãoes da Filmation. Não falo sobre os live Action, mas os desenhos animados não foram “lixo”. Eram séries trabalhadas com dedicação , com os recursos que tinham na época, financeiramente, eles fizeram verdadeiros milagres, a exemplo, cito a ótima série animada de Jornada Nas Estrelas, com personagens fiéis aos atores, que inclusive dublaram seus respectivos personagens, e outros desenhos de ação, que fizeram a alegria da garotada nos anos, 60, 70 e 80, com seus belos cenários e efeitos de animação , como o uso de rotoscopia, trilhas sonoras muito bem trabalhadas. A Filmation foi escola pra muitos artistas da animação , como Bruce Timm muito conhecido pelos desenhos Batman e Liga Da Justiça, que são aclamados por muitos até hoje e que moldaram a forma como muitos desenhos atuais são feitos. Como ele, outros artistas que começaram lá se referem até hoje com respeito e carinho pelo período em que trabalharam nessa produtora. Claro, ninguém é obrigado a gostar, e tem tôdo direito de se manifestar quanto a isso, mas mesmo ao espectador mais exigente intelectualmente, um MÍNIMO de RESPEITO com o homem que começou essa história e com o púbico que se nostalgía de suas produções e que lamenta , e muito , a sua morte não faz mal a ninguém”. Heron eu concordo em tudo com oque você disse, essa gente que não conheceu as obras dele, vão falar qualquer coisa mesmo.

    Curtir

  3. Comentado por:

    jacqueline

    eu adorava assistir he man….

    Curtir

  4. Comentado por:

    linsmar xavier

    eu gostava dos desenhos dele em especial she-ra.

    Curtir