Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Nova Temporada Por Fernanda Furquim Este é um espaço dedicado às séries e minisséries produzidas para a televisão. Traz informações, comentários e curiosidades sobre produções de todas as épocas.

Fox quer remake de ‘The Courtship of Eddie’s Father’

Preparados para a notícia de mais um remake??? Então incluam na lista a sitcom The Courtship of Eddie’s Father, produção da década de 1960 que entrou na mira do canal Fox. Criada por James Komack, a série original já era uma versão para a TV do filme Papai Precisa Casar, de 1963, estrelado por Glenn […]

Por Fernanda Furquim Atualizado em 31 jul 2020, 02h50 - Publicado em 17 out 2014, 16h02
Bisby e Cruz em 'The Courtship of Eddie's Father' (Fotos: ABC/Arquivo)

Bixby e Cruz em ‘The Courtship of Eddie’s Father’ (Fotos: ABC/Arquivo)

Preparados para a notícia de mais um remake??? Então incluam na lista a sitcom The Courtship of Eddie’s Father, produção da década de 1960 que entrou na mira do canal Fox.

Criada por James Komack, a série original já era uma versão para a TV do filme Papai Precisa Casar, de 1963, estrelado por Glenn Ford, Ron Howard e Shirley Jones. Este, por sua vez, era uma adaptação cinematográfica do livro de Mark Toby, publicado no mesmo ano.

No filme, a história acompanha a vida do garoto Eddie, que está determinado a bancar o cupido para seu pai, o viúvo Tom. Acreditando que sua vizinha, a divorciada Elizabeth, daria uma ótima mãe, ele tenta fazer com que seu pai a perceba. Para tanto, sabota, de alguma forma, as relações que Tom tem com outras mulheres, as quais Eddie considera inadequadas para se tornarem sua nova mãe.

Na série, apesar do enredo ser o mesmo (vamos encontrar uma esposa para o papai), o que o público vê de fato é a relação que existe entre pai e filho, interpretados por Bill Bixby (O Incrível Hulk) e Brandon Cruz, respectivamente.

Na história, Eddie deseja que o pai encontre uma nova esposa, mas nenhum dos relacionamentos de Tom dão certo, por uma razão ou outra. Tom é o editor de uma revista que, após a morte de sua esposa Helen, precisa cuidar de seu filho de seis anos. Para tanto, conta com a ajuda da Sra. Livingston (Miyoshi Umeki), a babá de Eddie, personagem que também existe no filme. Por sua vez, a Sra. Livingston se torna cúmplice das manobras de Eddie de tentar encontrar uma esposa para o pai.

Cruz e Jodie Foster

Cruz e Jodie Foster

Continua após a publicidade

No elenco também estavam Kristina Holland, como Tina, secretária de Tom; e o próprio Komack, que interpretava Norman, fotógrafo da revista onde Tom trabalhava, e seu melhor amigo. Na última temporada os produtores introduziram uma amiguinha para Eddie. Seu nome era Joey, interpretada por Jodie Foster, em participações recorrentes.

Bixby, Cruz e Umeki

Bixby, Cruz e Umeki

A série foi produzida ao longo de três temporadas e 73 episódios, exibidos pela rede ABC entre 1969 e 1972. Dizem que The Courtship of Eddie’s Father foi cancelada porque Bixby e Komack se desentenderam com relação ao rumo que a história estava tomando. Nos últimos episódios, o público estava acompanhando mais histórias relacionadas a Tom-Eddie-Norman, que de Tom-Eddie.

Sucesso nas reprises, a série é muito lembrada por seu tempo de abertura. Com o título de Best Friend, a música foi composta e interpretada por Harry Nilsson.

Segundo o Deadline, se produzido, o remake ficará a cargo do ator Willie Garson (Sex and the City, White Collar) e dos roteiristas e produtores Mark Levin e Jennifer Flackett.  A história adaptará a série, e não o livro ou o filme, sendo que incluirá situações inspiradas na vida de Garson e sua relação com o filho adotivo.

A produção é da Warner Brothers TV, detentora dos direitos de adaptação do título, e da Conaco, produtora de Conan O’Brien.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=rCF7Dnov8vA&w=620&h=330%5D

Continua após a publicidade

Publicidade