Clique e assine a partir de 9,90/mês
Nova Temporada Por Fernanda Furquim Este é um espaço dedicado às séries e minisséries produzidas para a televisão. Traz informações, comentários e curiosidades sobre produções de todas as épocas.

EUA: ‘The Many Loves of Dobie Gillis’ ganha box completo em DVD

A série Os Amores de Dobie Gillis/The Many Loves of Dobie Gillies foi a primeira sitcom voltada exclusivamente para o público adolescente a fazer sucesso na TV americana. Até então, as sitcoms que traziam personagens e situações sobre a adolescência eram geralmente aquelas voltadas para toda a família, ou seja, traziam a figura dos pais […]

Por Fernanda Furquim - Atualizado em 1 dez 2016, 15h58 - Publicado em 7 jul 2013, 16h12

A série Os Amores de Dobie Gillis/The Many Loves of Dobie Gillies foi a primeira sitcom voltada exclusivamente para o público adolescente a fazer sucesso na TV americana.

Até então, as sitcoms que traziam personagens e situações sobre a adolescência eram geralmente aquelas voltadas para toda a família, ou seja, traziam a figura dos pais que interagiam com os filhos, dando-lhes lições de vida e orientando-os em suas decisões.

Em Os Amores de Dobie Gillis, a figura dos pais ficou em segundo plano e, quando apareciam, era para criticar o comportamento dos filhos.

Produzida entre 1959 e 1963, a série acumulou quatro temporadas e 147 episódios. A série era uma adaptação da obra de Max Shulman que em 1953 ganhou uma versão cinematográfica estrelada por Bobby Van e Debbie Reynolds, produzida pela MGM.

A boa receptividade do filme levou Shulman a oferecer seu livro para a TV. Depois de dois anos batendo de porta em porta, ele conseguiu convencer a Fox a produzir a série, em parceria com a Martin Manulis Production, exibida pela rede CBS.

Continua após a publicidade

Na versão do cinema, Dobie era um estudante da faculdade. Na TV, ele foi transformado em adolescente cursando o segundo grau. A história acompanhou a vida de Dobie (Dwayne Hickman), um adolescente que vive em conflito com o pai, não gosta da escola, tem amigos esquisitos, tenta descobrir uma forma de ganhar dinheiro fácil, deseja ardentemente uma namorada e costuma falar sozinho aos pés da estátua do Pensador (neste momento, o personagem rompe a quarta parede e fala olhando diretamente para a câmera).

O melhor amigo de Dobie era Maynard (Bob Denver, de A Ilha dos Birutas), um rapaz que adotou o visual beatnik mas não sua filosofia.  Preguiçoso e lento das ideias, Maynard quase foi substituído no início da série por outro personagem. Após filmar os três primeiros episódios, Denver recebeu sua convocação para prestar o serviço militar. Os produtores decidiram justificar a saída do personagem da mesma forma e chegaram a filmar o episódio em que Maynard recebe a convocação. Para sorte de Denver, ele não passou na avaliação física e com isso ele (e seu personagem) voltou para o elenco da série.

Uma das garotas dos sonhos de Dobie era Thalia (Tuesday Weld), uma jovem que estava determinada a se casar por dinheiro; e já que Dobie era pobre, ele não era sua primeira opção de namorado. Isto não significava que ela o deixaria em paz. Provocando-o constantemente, ela costumava convencer Dobie a fazer tudo o que ela queria. Enquanto Dobie corria atrás de Thalia, Zelda (Sheila James Kuehl) corria atrás dele. Apaixonada pelo rapaz, Zelda nunca conseguiu convencê-lo que ele também a amava. Seu jeitinho de moleque não o atraía e seu assédio geralmente o incomodava.

Tuesday Weld e Dwayne Hickman

Na escola, Dobie tinha dois inimigos declarados. O primeiro era Milton Armitage (Warren Beatty, em início de carreira), um filhinho de papai que vivia implicando com ele. Beatty deixou a série ao final da primeira temporada para construir uma carreira cinematográfica. Ele foi substituído por Chastworth (Steve Franken), seu primo, que assumiu a função de implicar com Dobie.

Continua após a publicidade

O pai de Dobie (Frank Faylen) era dono de uma mercearia. Irritando-se constantemente com a vida de vagabundo que o filho levava, ele exigia que o rapaz prestasse serviços para ele na loja. Os conflitos entre pai e filho eram controlados pela mãe de Dobie, Winnie (Florida Friebus), que sempre conseguia acalmar os ânimos.

A série apresentou três fases da vida de Dobie. A primeira o acompanhou na escola, apresentando sua relação com os colegas e professores. A segunda fase apresentou o período em que ele e Maynard prestaram o serviço militar. A terceira mostra a turma na faculdade.

No elenco também estavam William Scharllet, Joyce Van Patten, Jean Byron, Bobby Diamond, Doris Packer, Marjorie Bennett, Raymond Bailey, Clinton Sundberg, Dabbs Greer, Willis BoucheyHerbert Anderson.

Ao longo de sua produção, a série contou com as participações dos atores Ellen Burstyn, Marlo Thomas, Bill Bixby, Yvonne Craig, Diana Millay, Barbara Bain, Sally Kellerman, Ellen Burstyn, Sherry Jackson, Jack Albertson, Mel Blanc, Charles Lane, Michael J. Pollard, Ron Howard, Reta Shaw, Roberta Shore, Marianna Hill, Norman Fell, Stafford Repp, Laraine Stephens, Barbara Babccock e Linden Chiles.

Quando a série foi cancelada, os produtores chegaram a propor uma spinoff, que seria estrelada por Zelda. Mas ela nunca foi produzida. No final da década de 1970, chegou a ser desenvolvido um novo projeto, com o título Whatever Happened to Dobie Gillis?, que também não foi produzido. O enredo deste projeto foi resgatado em 1988 com o telefilme reunion Bring Me the Head of Dobie Gillis, no qual vemos que Dobie se casou com Zelda, assumiu os negócios do pai e ainda atua como vereador.

Continua após a publicidade

(E-D) Bob Denver e Dwayne Hickman

A boa receptividade da sitcom entre os adolescentes da época levou a Hanna-Barbera a utilizar os personagens como referência na criação do visual da série animada Scooby Doo.

O rosto de Dobie foi usado para criar Fred; Maynard era a referência do visual de Salsicha; Zelda era Velma e Thalia era Daphne. Os Amores de Dobie Gillis também ganhou uma versão em quadrinhos, lançada entre os anos de 1960 e 1970.

No dia 10 de julho, a distribuidora Shout Factory lança a série completa de Os Amores de Dobie Gillis em DVD. Esta é a primeira vez que todos os episódios são lançados nesta mídia. Quem tiver interesse em adquirir apenas a primeira temporada, ela será lançada em separado em setembro.

O box completo trará 20 discos que incluem cenas do primeiro episódio piloto produzido para avaliação. No material extra, o box inclui episódios das séries  Love That Bob/The Bob Cummings Show (1955-1959) , que foi estrelada por Bob Cummings e Dwayne Hickman, e de The Stu Ervin Show (1950-1955), que contou com a atriz Sheila James Kuehl no elenco.

Continua após a publicidade

Cliquem nas fotos para ampliar.

No primeiro vídeo, um episódio da série. No segundo, cenas do primeiro piloto produzido para avaliação do potencial da série. As imagens contam com a presença de Yvonne Craig que ficaria famosa como a Batgirl. Ela é a primeira moça que aparece para falar com Dwayne. A última é Tuesday Weld.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=pVOqbjSUANA&w=620&h=330%5D

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=W1ldfGFrfqo&w=620&h=330%5D

Publicidade