Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

Após vacinas contra o coronavírus, Bolsonaro quer criar a primeira a favor

Segundo cientistas, imunizantes têm probabilidades entre 90% e 95% de serem atrapalhados por Jair Bolsonaro

Por Sensacionalista Atualizado em 3 dez 2020, 13h44 - Publicado em 4 dez 2020, 06h00

Em sua incansável batalha para fazer o possível e o impossível para atrapalhar o país, Jair Bolsonaro lança mão de nova estratégia: cansado de tantas vacinas contra o coronavírus, ele resolveu criar a primeira a favor. “A extrema imprensa só torce contra mim e contra o corona. Por isso acabei me identificando com ele”, disse enquanto lambia um corrimão de rodoviária para se infectar novamente. A vacina a favor do coronavírus será chamada CoronaVaca, em homenagem ao apelido dos súditos do presidente.

Já as vacinas contra a Covid-19 em fase final de testes empolgaram cientistas. Segundo pesquisas, elas têm probabilidades entre 90% e 95% de serem atrapalhadas por Jair Bolsonaro.

Publicado em VEJA de 9 de dezembro de 2020, edição nº 2716

Publicidade