Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

SP: FEITO INÉDITO NO COMBATE À VIOLÊNCIA. VAMOS VER COMO O PETISMO JORNALÍSTICO, SOBRETUDO O DA TV, ATUARÁ PARA ATACAR O ESTADO E ELOGIAR… SÉRGIO CABRAL

Atenção, leitores! No primeiro trimestre de 2011, o número de homicídios no estado de São Paulo caiu abaixo de 10 ocorrências por 100 mil habitantes. Ficou em 9,52. É a primeira vez que se atinge essa marca. A OMS considera que um número abaixo de  10 caracteriza violência não-epidêmica. O que isso significa? a) De […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 12h15 - Publicado em 15 abr 2011, 16h40

Atenção, leitores!

No primeiro trimestre de 2011, o número de homicídios no estado de São Paulo caiu abaixo de 10 ocorrências por 100 mil habitantes. Ficou em 9,52. É a primeira vez que se atinge essa marca. A OMS considera que um número abaixo de  10 caracteriza violência não-epidêmica. O que isso significa?
a) De 1999 para 2011, houve uma queda de espantosos 83% no número de homicídios por 100 mil habitantes;
b) Em relação ao mesmo período do ano passado, a queda é de 18,9%;
c) A cidade de São Paulo registrou uma queda de 41% no número de homicídios no primeiro trimestre.

Mais dados serão divulgados. O governo de São Paulo passa a fazer, a partir de agora, uma divulgação mensal do número de homicídios, E POR DISTRITO. A intenção, segundo o governador Geraldo Alckmin (PSDB), é chegar a uma divulgação por bairro: “Queremos transparência absoluta nos números. Quando saírem os novos dados, publico.

Vamos pensar
Vocês sabem que perdi a paciência com certas abordagens. Então vou brincar aqui de antever o noticiário. Que tal?
1 – A TV vai noticiar os números, claro…

2 – Vai aparecer um “inteliquitual” do Núcleo de Estudos da Violência, da USP, para mostrar que esse feito se deve ao esforço “da comunidade” e ao Estatuto do Desarmamento; a polícia e o governo não teriam nada com isso;

3 – Assim que o Rio divulgar os seus índices — o triplo dos de São Paulo, mas apontando uma queda —, o fato será atribuído à genialidade de José Mariano Beltrame e de Sérgio Cabral e às UPPs;

Continua após a publicidade

4 – Como vocês sabem:
a) tudo o que acontece de bom em São Paulo se deve à comunidade; tudo o que há de ruim é culpa do governo;
b) tudo o que é bom em São Paulo é bom em toda parte; tudo o que é ruim em São Paulo é tipicamente paulista;
c) tudo o que é ruim no Rio é ruim no Brasil inteiro; tudo o que é bom no Rio é coisa típica da terra e… SE DEVE À GENIALIDADE DE SÉRGIO CABRAL E JOSÉ MARIANO BELTRAME.

5) Assim que saírem os números por distrito, haverá aqueles com mais mortos e os com menos mortos; darão destaque àqueles com mais, no esforço permanente de produzir arranca-rabo de classes.

6) Como São Paulo chegou a isso? Eu tenho algumas pistas, que deixariam Paulo Sérgio Pinheiro ainda mais estupidificado do que de hábito:
a) São Paulo prende mais:
b) São Paulo combate a corrupção policial;
c) São Paulo mete em cana policial bandido sempre que topa com um.
Mas usarão o combate aos maus policiais, que deveria ser elogiado, contra o governo.

E vão esconder de você, leitor, que, se o índice de homicídios do Brasil inteiro fosse o mesmo de São Paulo, seriam 18.088 as vítimas, não as mais de 50 mil. Seriam poupadas, por ano, 31.912 vidas. Se os números do Brasil inteiro fossem os do Rio, seriam 57 mil os mortos…

Assistindo ao noticiário, sou sempre tentando a emigrar para o Rio. Nem tanto pelas belezas naturais, que são, de fato, acachapantes! É que preciso saber como é ser governado por um gênio e ter como secretário de Segurança um “homem do ano”… Em são Paulo, vocês sabem, mata-se menos de um terço, mas nao há UPP, não com esse nome, para encantar jornalista e artista…

Vamos ver quantos serão os meus acertos nas antevisões acima. É isso aí. Perdi a paciência com eles…

Continua após a publicidade
Publicidade