Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia e Mariana Muniz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Zanin provoca Moro: ‘A menos que queira desafiar o STF’

Advogado quer levar delações para Brasília

Por Ernesto Neves Atualizado em 28 ago 2018, 19h47 - Publicado em 28 ago 2018, 18h41

Advogado do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin enviou nesta terça 28 ao juiz Sergio Moro um pedido para que depoimentos prestados por antigos executivos da Odebrecht sejam enviados à Justiça Federal de Brasília.

Segundo Zanin, o Supremo Tribunal Federal já reconheceu que essas denúncias, incluindo o recebimento de vantagem indevida para a construção do Instituto Lula, não devem ser processados pela vara de Curitiba.

O advogado diz também que “não há qualquer elemento concreto que possa indicar que valores provenientes de contratos da Petrobras foram utilizados para pagamento de vantagem indevida”.

“Diante do exposto, requer-se a imediata remessa dos autos processuais para livre distribuição na Seção Judiciária do Distrito Federal (…) com os consectários legais decorrentes do reconhecimento da incompetência deste Juízo, a menos que se queira desafiar a autoridade da decisão proferida pelo Supremo Tribunal Federal“, escreveu ao magistrado.

Continua após a publicidade
Publicidade