Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

‘Vai tarde’, diz Marina Silva sobre saída de Ricardo Salles do governo

Ex-senadora, que já esteve à frente do Ministério do Meio Ambiente, diz que vitória é ainda 'parcial'

Por Laísa Dall'Agnol Atualizado em 23 jun 2021, 19h16 - Publicado em 23 jun 2021, 18h50

A ex-senadora e ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, comemorou a exoneração de Ricardo Salles da pasta.

“Vai tarde! É uma vitória da sociedade, mas ainda é uma vitória parcial. Sabemos que ele era o operador da política nefasta e antiambiental de Bolsonaro. Continuamos atentos para cobrar rigorosa punição por seus atos”, publicou em seu Twitter.

Conforme mostrou o Radar, a decisão de Bolsonaro de exonerar Salles veio, segundo fontes da investigação, da informação de que o caso do ministro agravaria a crise política que consome o Planalto desde a operação da Polícia Federal que cumpriu mandados contra o chefe do Meio Ambiente.

O governo foi alertado de que uma leva de novas provas contra Salles foi enviada ao STF e poderia “contaminar o PR”.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade