Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

TRF2 nega HC ao ex-presidente do Paraguai Horacio Cartes

Na decisão, desembargador substituto diz que não é possível afastar a possibilidade de risco à "aplicação da lei penal"

Por Mariana Muniz - 22 nov 2019, 19h17

O juiz federal convocado Gustavo Arruda Macedo, que está em exercício como desembargador federal no TRF2, negou o pedido de habeas corpus ao ex-presidente do Paraguai Horácio Cartes. O político foi um dos alvos da Operação Patron, deflagrada pela PF e pelo MPF na última terça-feira.

O juiz afirma, na decisão, que Cartes ainda não se apresentou à Justiça e, por isso, não é possível afastar a possibilidade de risco à “aplicação da lei penal”.

No HC apresentado ao TRF2, os advogados de Cartes pediam para que fosse revogado o mandado de prisão preventiva contra ele. 

 

Publicidade