Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Sucesso no Instagram, Supla cobra R$ 100 por vídeo a fãs… e tem fila

Renda arrecadada com cachê é doada a projeto do Padre Júlio Lancelloti, em São Paulo

Por Laísa Dall'Agnol Atualizado em 17 nov 2021, 16h14 - Publicado em 17 nov 2021, 18h30

“C’mon, kids”, anuncia Supla no início de mais um vídeo direcionado a seus mais de 700 000 seguidores no Instagram.

Com postagens engraçadas, espontâneas e, muitas vezes, com duplo sentido, o filho de Eduardo e Marta Suplicy tem feito sucesso nas redes e suas publicações interagindo com os followers já somam milhões de visualizações.

A popularidade é tanta, que agora o ‘papito’ cobra cachê para fazer gravações personalizadas — e 100% do dinheiro arrecadado vai para projetos beneficentes — no caso, a Instituição do Padre Júlio Lancelloti, em São Paulo. João Suplicy, músico e compositor — com quem Supla tem a banda Brothers of Brazil — também participa das gravações.

Em menos de 20 dias, Supla e João são recordistas na plataforma polen.me, com 200 vídeos solicitados — cada um custa 100 reais. O usuário entra no site, escolhe o artista, faz o pagamento e recebe um vídeo ‘exclusivo’ com uma mensagem do ídolo.

Continua após a publicidade

Publicidade