Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Sextou animado – decisão de Celso de Mello sai até o fim da tarde, diz STF

Ministro avalia se derruba ou mantém sigilo do vídeo de reunião entre ministros do governo Bolsonaro

Por Mariana Muniz - Atualizado em 21 maio 2020, 22h28 - Publicado em 21 maio 2020, 22h16

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), vai decidir até o final da tarde desta sexta-feira se mantém ou não o sigilo do vídeo da famosa reunião ministerial de 22 de abril – apontada pelo ex-ministro Sergio Moro como prova de que Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal (PF).

A informação de que o decano divulgará sua decisão antes do fim do expediente é da assessoria de imprensa da Corte.

O decano assistiu à gravação no início da semana. Agora, resta saber se atenderá ao pedido formulado pela defesa de Moro, pela liberação integral da fita, ou se manterá o sigilo de algumas partes, como pretende o governo. A sexta-feira será animada.

Celso é o relator do inquérito aberto pela PGR para apurar as declarações de Moro sobre suposta tentativa do presidente de interferir na PF. 

Publicidade