Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Rei Arthur e Cabral: uma história entre o céu e o inferno

Mais um flagrante da vida de bacana do empresário em Miami; já o ex-governador...

Por Mariana Muniz Atualizado em 4 fev 2020, 10h41 - Publicado em 4 fev 2020, 09h41

Veja como céu e o inferno se misturam nesse história. Na semana em que Sérgio Cabral completou 57 anos, o quarto aniversário atrás das grades, sem direito a bolo nem parabéns, o empresário Arthur César de Menezes Soares Filho, o “Rei Arthur”, curtia, veja só a foto, alegremente umas comprinhas em Miami.

Denunciado pelo MPF no escândalo da compra de votos para a Olimpíada de 2016, ele passeava num supermercado na região de Brickell, luxuoso centro financeiro da cidade americana.

O registro da vida prosaica foi enviado ao Radar por colaboradores da coluna.

Radar/Veja/VEJA

 

Continua após a publicidade
Publicidade