Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Principal playlist do Spotify só terá músicas de negros por uma semana

Plataforma lança hub Pretos no Topo, com sugestões compiladas por 17 grandes nomes da música.

Por Manoel Schlindwein Atualizado em 20 nov 2020, 11h08 - Publicado em 20 nov 2020, 11h32

O Spotify escolheu a Top Brasil, sua maior playlist de hits, para celebrar com música nacional o Dia da Consciência Negra. Durante uma semana, a partir de hoje, a seleção contará exclusivamente com músicas feitas por artistas negros.

Como parte da celebração, o Spotify fará a projeção digital das imagens dos artistas que estarão na capa da Top Brasil em dois prédios no Rio de Janeiro. A primeira projeção, entre 19h e 21h, será na rua Visconde de Pirajá, 66. A segunda, entre 21h30 e 23h, será na rua Maria Eugênia, 145. Em destaque, nomes como Ludmilla, Djonga, IZA, Léo Santana, Mc Dricka, Mc Zaac, Rennan da Penha e Thiaguinho.

A plataforma também criou o hub Pretos no Topo, onde é possível conferir as playlists criadas por 17 grandes nomes da música negra que fizeram suas escolhas sonoras, a fim de ampliar a sua visibilidade e a de outros artistas dentro do streaming. Entre os convidados estão Edi Rock, Elza Soares, Emicida, Gilberto Gil, IZA, Karol Conká, Kleber Lucas, Leo Santana, Liniker, Ludmilla, Mc Dricka, Mc Zaac, Nívea Soares, Orochi, Rennan da Penha, Thalles Roberto e Thiaguinho. O hub conta ainda com a seção Existe um Futuro Preto, numa parceria com a Feira Preta.

Publicidade