Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Preferência do Corinthians

O Corinthians vai negociar o naming rights do Itaquerão apenas em 2012, mas hoje a estratégia é de buscar parceiros no exterior com baixa penetração no Brasil. A lógica do Corinthians é simples. Se fechar com uma empresa nacional ou até mesmo uma grande multinacional, pode acabar encontrando resistência com as concorrentes para fechar outras […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 12h16 - Publicado em 15 abr 2011, 10h27

O Corinthians vai negociar o naming rights do Itaquerão apenas em 2012, mas hoje a estratégia é de buscar parceiros no exterior com baixa penetração no Brasil.

A lógica do Corinthians é simples. Se fechar com uma empresa nacional ou até mesmo uma grande multinacional, pode acabar encontrando resistência com as concorrentes para fechar outras cotas de patrocínio (camarotes, uniforme do clube, etc).

Publicidade