Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

PMDB contra

  Como ninguém é de ferro, a CPI do Cachoeira deu mais uma pausa. Mas o parlatório em torno da possibilidade de se estender a investigação para mais de um mês tem tudo para fazer água. Faltou combinar com o PMDB. Até a reunião do dia 30 de outubro, quando o martelo será batido, a […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 07h37 - Publicado em 18 out 2012, 07h02

 

Braços cruzados

Como ninguém é de ferro, a CPI do Cachoeira deu mais uma pausa. Mas o parlatório em torno da possibilidade de se estender a investigação para mais de um mês tem tudo para fazer água. Faltou combinar com o PMDB.

Até a reunião do dia 30 de outubro, quando o martelo será batido, a bancada peemedebista da Câmara espera já ter arrumado uma saída para impedir que a prorrogação ultrapasse os trinta dias. O fato é: deputados do partido não escondem que ampliar os trabalhos para dois ou três meses, nem pensar.

 

Continua após a publicidade

Publicidade