Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Os obstáculos de Renan

Uma parte da bancada do PMDB do Senado está convencida de que, entre os senadores da legislatura atual, Renan Calheiros teria hoje o caminho praticamente livre para voltar à presidência da Casa. Na leitura dos peemedebistas, poucos senadores teriam condições de combater Renan em plenário. A língua afiada de um Demóstenes Torres já não existe […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 07h55 - Publicado em 10 set 2012, 16h34

Caminho livre no plenário?

Uma parte da bancada do PMDB do Senado está convencida de que, entre os senadores da legislatura atual, Renan Calheiros teria hoje o caminho praticamente livre para voltar à presidência da Casa.

Na leitura dos peemedebistas, poucos senadores teriam condições de combater Renan em plenário. A língua afiada de um Demóstenes Torres já não existe mais, Pedro Simon até poderia criticar, mas o faria sem a energia de outros tempos, e Roberto Requião, outro que poderia fazer algum barulho, já foi amansado com a presidência da seção brasileira do Parlamento do Mercosul.

Para completar, restaria a chamada “bancada independente” (Ana Amélia Lemos, Pedro Taques e Jarbas Vasconcelos…), mas nenhum deles mete medo nos peemedebistas. Qual seria o grande obstáculo de Renan, então? Para o grupo de peemedebistas, o desafio está na imprensa e na série de reportagens relembrando os turbulentos acontecimentos que levaram Renan a abandonar a mesma cadeira de presidente no passado.

Continua após a publicidade
Publicidade