Clique e assine com 88% de desconto
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Pedro Carvalho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Número de votos surpreendeu o governo

Planalto esperava 48 votos a favor da Reforma Trabalhista -- e não 50

Por Mauricio Lima - Atualizado em 11 jul 2017, 22h06 - Publicado em 11 jul 2017, 22h05

A votação da reforma trabalhista surpreendeu o governo. O ministro Antonio Imbassahy, que estava acompanhando a mobilização governista, tinha previsto um máximo de 48 votos. Os dois a mais foram creditados no Planalto à reação dos senadores ao vexame provocado pelas senadoras que ocuparam a mesa da Casa

Publicidade