Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia e Mariana Muniz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Ministro efetivo do TSE deve ser reconduzido por Bolsonaro

STF aprovou lista tríplice para escolha de nome da advocacia que compõe o tribunal

Por Mariana Muniz Atualizado em 8 abr 2021, 13h13 - Publicado em 8 abr 2021, 15h31

O Supremo Tribunal Federal aprovou ontem a lista tríplice de candidatos para ocupar a vaga de ministro efetivo no Tribunal Superior Eleitoral na vaga de jurista.

Foram indicados os advogados Sérgio Banhos, Carlos Horbach e Carlos Mário da Silva Velloso Filho, todos já integrantes do tribunal. Agora, a lista formada pelo STF será encaminhada ao presidente. 

Nos bastidores, a aposta que se faz é que Banhos, que já ocupa a vaga de ministro efetivo, seja reconduzido por mais dois anos — como tem sido a tradição. O advogado foi indicado por Jair Bolsonaro em 2019, quando ocupava o posto de ministro substituto. 

Publicidade