Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Embaixada do Líbano pede apoio humanitário para tragédia em Beirute

Explosão no porto da capital libanesa ontem deixou ao menos 135 mortos

Por Manoel Schlindwein - Atualizado em 5 ago 2020, 21h08 - Publicado em 5 ago 2020, 18h32

A embaixada do Líbano no Brasil está solicitando ajuda humanitária para o atendimento às vítimas da explosão ocorrida ontem na capital Beirute.

O governo pede assistência médica, inclusive suprimentos hospitalares; alimentos básicos como trigo, farinha e enlatados; materiais de construção e equipamentos para a reconstrução do porto da capital libanesa. Para ajudar, é preciso entrar em contato com a embaixada pelo telefone (61) 99943-7880 ou pelo e-mail sec.embaixador@libano.org.br.

A explosão em um armazém, ocorrida na terça-feira, matou ao menos 135 pessoas. Outras 5.000 estão feridas.

Publicidade