Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Instituto Butantan vai testar indígenas de SP na pandemia

Dimas Tadeu Covas coordena projeto de aplicação de exames em populações consideradas vulneráveis

Por Robson Bonin - Atualizado em 9 jul 2020, 22h45 - Publicado em 9 jul 2020, 22h43

Cientista e professor da USP, o diretor do Instituto Butantan Dimas Tadeu Covas decidiu descer a serra nesta sexta-feira para acompanhar a testagem rápida contra o coronavírus em indígenas no litoral de São Paulo.

Ele está coordenando pessoalmente o projeto de aplicação de exames em populações consideradas vulneráveis, como índios, idosos em abrigos, profissionais de segurança pública e saúde, agentes do sistema penitenciário.

Até o momento mais de 144.000 testes foram realizados nesses públicos. A testagem dessa sexta será na Aldeia Takuarity, em Cananéia.

Publicidade