Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado pede que PF investigue caso da retroescavadeira de Cid

Capitão Wagner (Pros-CE) quer investigação balística e análise das imagens envolvendo o caso em Sobral

Por Robson Bonin - 28 fev 2020, 18h03

O deputado federal Capitão Wagner (Pros-CE) protocolou na Polícia Federal nesta semana um pedido para que a instituição investigue o caso envolvendo os tiros disparados contra o senador Cid Gomes no 3º Batalhão da Polícia Militar, em Sobral (CE), no último dia 19 de fevereiro.

Wagner quer que os investigadores realizem uma perícia médica e balística e ainda analise as imagens envolvendo a confusão em Sobral. “Queremos descobrir como a imprensa está divulgando que o senador licenciado, lá em Sobral, levou dois tiros de .40, quando as cápsulas nem foram retiradas do corpo dele. A gente quer saber também se foi feito algum disparo de dentro da cabine da retroescavadeira contra os manifestantes, bem como solicitamos que seja realizada uma perícia médica e a perícia das imagens para que possamos esclarecer todas as dúvidas sobre esse trágico acontecimento, em Sobral”, explica o parlamentar.

Capitão Wagner também foi ao Ministério da Justiça e Segurança Pública para solicitar que seja feita a investigação do que houve na cidade de Sobral (CE).

Publicidade