Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Por Gabriel Mascarenhas (interino) Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Witzel diz a aliados que não demitirá chefe da Cedae

Governador do Rio aposta na permanência de Hélio Cabral

Por Mariana Muniz Atualizado em 5 fev 2020, 19h30 - Publicado em 5 fev 2020, 18h30

Em meio à crise que atinge o abastecimento de água do Rio de Janeiro há mais de um mês, cresce a bolsa de apostas sobre quanto tempo leva para o presidente da companhia de águas do estado, a Cedae, cair.

A depender do governador, quem conta com a saída de Hélio Cabral deve colocar as barbas de molho (em água mineral). A interlocutores, Wilson Witzel tem dito que o presidente da Cedae fica.

 

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade