Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

CPI desiste de ouvir Queiroga pela terceira vez

Ministro tinha depoimento marcado para a próxima segunda na comissão; senadores querem evitar palanque negacionista

Por Lucas Vettorazzo 12 out 2021, 14h24

Senadores da oposição desistiram de ouvir o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, pela terceira vez na CPI da Pandemia. O depoimento do chefe da pasta estava marcado para a próxima segunda-feira, mas foi cancelado depois que os parlamentares avaliaram que não valeria correr o risco de a última oitiva da CPI ser transformado em palanque para pautas negacionistas. A decisão foi tomada em reunião dos oposicionistas ocorrida nesta terça.

Queiroga foi chamado a esclarecer suspeitas de que teria interferido na pauta da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec) que iria analisar um estudo contrário ao uso dos medicamentos do chamado “kit covid”. No lugar de Queiroga, os senadores pretendem levar para a tribuna o pneumologista Carlos Carvalho, que coordenou o levantamento.

Publicidade