Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Chalita defende presidente do TJ para Educação de Alckmin

Mesmo estando à frente da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, Gabriel Chalita continua sendo um dos mais influentes conselheiros de Geraldo Alckmin. O secretário de Fernando Haddad patrocina, juntamente com outros auxiliares próximos ao governador tucano, a indicação do atual presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, José Renato Nalini, para o […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 23h57 - Publicado em 4 dez 2015, 15h41
Nalini: cotado para secretaria

Nalini: cotado para secretaria

Mesmo estando à frente da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, Gabriel Chalita continua sendo um dos mais influentes conselheiros de Geraldo Alckmin.

O secretário de Fernando Haddad patrocina, juntamente com outros auxiliares próximos ao governador tucano, a indicação do atual presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, José Renato Nalini, para o lugar de Herman Voorwald na Secretaria de Estado da Educação.

A influência de Chalita é vista com restrições por outros aliados de Alckmin, que lembram que foi ele quem indicou o secretário demissionário, em 2011, e agora ajudou a desgastá-lo ao fazer críticas públicas à condução da reformulação da rede estadual de ensino.

Além de Chalita, a indicação de Nalini conta com aval de Alexandre Moraes (Segurança) e de Orlando Baptista, assessor especial do governador.

Nalini poderia antecipar a aposentadoria. Seu sucessor no TJ, Paulo Dimas, foi eleito nesta semana e assume em janeiro.

 

Continua após a publicidade
Publicidade