Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Capa de VEJA faz quatro anos com Lula tentando ficar na cadeia

'Os chaves de cadeia de Lula' acabaram colocando o petista atrás das grades, onde ele agora tenta permanecer à espera do STF

Por Robson Bonin Atualizado em 30 out 2019, 11h23 - Publicado em 30 out 2019, 11h10

Em novembro de 2015, a capa de VEJA estampou a chamada ‘Os chaves de cadeia de Lula’ ilustrada pelo ex-presidente vestido com uma camisa de presidiário. As tradicionais listras pretas eram formadas pelos nomes de personagens investigados pela Lava-Jato que poderiam colocar Lula na prisão.

A imagem provocou a revolta de petistas e críticas de aliados do ex-presidente. Naquele novembro, no entanto, o leitor de VEJA teve a análise mais precisa da real situação de Lula, que viria fatalmente a ser preso em abril de 2018, justamente por um conjunto de evidências reveladas pelos nomes marcados na camisa do petista na capa da revista.

Quatro anos depois, o momento do petista é outro. Lula, preso em Curitiba, se move para evitar que a Justiça o libere para cumprir o regime semiaberto. Ele aguarda que os bons ventos do Supremo Tribunal Federal façam algo melhor, ao anular sua condenação na Lava-Jato.

Divulgação/Divulgação
Publicidade