Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Campo minado

De volta à realidade do Salão Verde, Mário Negromonte analisou ontem sua queda do Ministério das Cidades, definido por ele como um “campo minado”. Amparado pela celebre frase, “em briga de família, irmão mata irmão, e morre todo mundo”, Negromonte garantiu: – Não saí ferido. Dos tiros, nenhum pegou em mim. Sem citar nomes, listou […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 09h34 - Publicado em 8 fev 2012, 14h08

“Dos tiros, nenhum pegou em mim.”

De volta à realidade do Salão Verde, Mário Negromonte analisou ontem sua queda do Ministério das Cidades, definido por ele como um “campo minado”. Amparado pela celebre frase, “em briga de família, irmão mata irmão, e morre todo mundo”, Negromonte garantiu:

– Não saí ferido. Dos tiros, nenhum pegou em mim.

Sem citar nomes, listou as forças que atuaram para derrubá-lo:

– Gente do meu partido e de outros partidos, gente de dentro do ministério e gente que já passou por lá. Era um campo minado. Contrariei muitos interesses.

Continua após a publicidade
Publicidade