Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Banco Central vetou compra de fatia da Renner pela Record

Sem a bênção

A Record estava prestes a comprar um quinhão do Banco Renner, que já tem Edir Macedo como um dos donos. O Banco Central, porém, vetou o negócio, alegando falta de experiência e maus antecedentes.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Fez muito bem. Já se fosse em outra administração a gente sabe o que ia acontecer. FICA TEMER!

    Curtir

  2. Ô país esquisito!
    Se maus antecedentes configura impedimento para fechar um negócio, por que raios permitiram que o tal “um dos donos” se associasse ao banco?
    Pura injustiça.
    Cadê a coerência?

    Curtir

  3. ACORDA BRASIL

    Fêz muito bem.
    EXTINÇÃO JÁ DA REDE “SOPA SABÃO E SALVAÇÃO”.

    Curtir

  4. O BANCO CENTRAL APRENDEU ? DEPOIS DO FIASCO DO PAN AMERICANO — ALIÁS, E O BANCO PAN AMERICANO ? NINGUÉM VAI PRESO ?

    Curtir