Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Aliados de Temer veem ambiguidade de Aécio sobre apoio ao governo

Aliados do vice-presidente Michel Temer se queixam reservadamente da maneira como o senador Aécio Neves conduz a negociação para a entrada do PSDB no governo. Segundo os integrantes do grupo que negocia a formação do governo, Aécio faz, publicamente, o discurso de que o partido não deve ter cargos, mas, nos bastidores, atua pela nomeação […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 22h47 - Publicado em 10 Maio 2016, 10h02
Aécio: alvo de queixas no Jaburu

Aécio: alvo de queixas no Jaburu

Aliados do vice-presidente Michel Temer se queixam reservadamente da maneira como o senador Aécio Neves conduz a negociação para a entrada do PSDB no governo.

Segundo os integrantes do grupo que negocia a formação do governo, Aécio faz, publicamente, o discurso de que o partido não deve ter cargos, mas, nos bastidores, atua pela nomeação de Bruno Araújo para Cidades e de Tasso Jereissati para o Desenvolvimento.

O senador cearense negou que seja candidato a ministro, mas os peemedebistas dizem que a pressão pelo seu nome vem da ala aecista da sigla.

A pressão pela ida de Tasso para o Desenvolvimento, que manteria o Comércio Exterior, seria uma forma de fazer um contraponto a José Serra no Itamaraty. Serra, assim como Aécio, tem pretensão a disputar a Presidência em 2018.

O senador mineiro nega que negocie os cargos e diz que o melhor seria o PSDB manter apenas o apoio congressual ao novo governo.

Continua após a publicidade
Publicidade