Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Advogado de Bolsonaro queria esconder toda a família de Queiroz

Juiz Flávio Itabaiana reproduziu mensagens trocadas entre Queiroz e sua mulher, Márcia Aguiar

Por Mariana Muniz, Robson Bonin Atualizado em 23 jun 2020, 07h54 - Publicado em 18 jun 2020, 20h43

Na ordem de prisão assinada pela Justiça do Rio contra Fabrício Queiroz, o juiz Flávio Itabaiana reproduz mensagens trocadas entre Queiroz e sua mulher, Márcia Aguiar.

Nas conversas, o ex-assessor relata a intenção do advogado Frederick Wassef de “esconder toda a família do operador financeiro em São Paulo”, caso o STF liberasse — como de fato liberou — o uso de relatórios do COAF em investigações, o que comprometeria a defesa de Queiroz no caso das rachadinhas.

“(Anjo está) querendo mandar todos para São Paulo se agente (sic) não ganhar (no STF)”, diz Queiroz. Os diálogos constam do despacho do juiz Flávio Itabaiana ao qual o Radar teve acesso.

Na mesma conversa, a mulher de Queiroz, segundo os investigadores, revela o desejo de se esconder, caso fosse “a prisão decretada”.

Em outra conversa, os investigadores demonstram como Queiroz agia para orientar a mulher a se esconder e evitar ficar exposta aos investigadores. em uma mensagem, ainda em função do julgamento no STF, ele avisa que um advogado iria procurá-la para “conversar pessoalmente”. ‘”Ele vai te explicar. Aí tu faz os contatos para ele pra mim. Na frente dele aí. É coisas que ele tem que falar pessoalmente”, escreve Queiroz à mulher.

 

Continua após a publicidade
Publicidade