Clique e assine a partir de 9,90/mês
Modo Avião Por Tatiana Cunha As dicas certeiras de turismo e os lugares incríveis do planeta para você planejar sua próxima viagem

Hotel ou Airbnb, eis a questão…

Uma das coisas que mais consome tempo _e dinheiro_ quando se viaja é escolher a acomodação ideal. A internet obviamente ajudou muito neste processo, mas este ainda é um tema complicado. Lembro que quando me tornei “adulta” o suficiente para planejar uma viagem sozinha o processo era longo meio arriscado. Eu comprava guias do meu […]

Por Tatiana Cunha - Atualizado em 30 jul 2020, 21h20 - Publicado em 14 nov 2016, 18h10

hotel

Uma das coisas que mais consome tempo _e dinheiro_ quando se viaja é escolher a acomodação ideal. A internet obviamente ajudou muito neste processo, mas este ainda é um tema complicado.

Lembro que quando me tornei “adulta” o suficiente para planejar uma viagem sozinha o processo era longo meio arriscado. Eu comprava guias do meu destino, lia as descrições dos hotéis e mandava pedidos de reservas via fax (!!!). Sim, estou ficando velha…

A internet agilizou tudo isso e hoje é possível escolher, reservar e pagar uma acomodação em minutos com um smartphone nas mãos. Aplicativos não faltam para ajudar.

Uma nova revolução neste processo vem acontecendo desde que sites como o Airbnb começaram a se popularizar. Neles é possível reservar casas, apartamentos, barcos, casas em árvores, trailers e afins por uma noite ou períodos mais longos. Ou seja, os hotéis deixaram de ser nossa única opção ao viajar e tornaram nossa vida mais fácil _ou mais difícil, dependendo do ponto de vista.

Como cada um tem suas próprias necessidades, preferências e restrições quando o assunto é escolher a acomodação ideal, não vou dizer aqui qual é melhor ou pior, já que há prós e contras em ficar em hotéis ou casas particulares.

Continua após a publicidade

Já fiquei em muito hotel bom e outros horríveis, que jamais voltaria. E, de uns tempos para cá, tenho usado bastante o Airbnb. Já aluguei casas/apartamentos/quartos em lugares como Nova York, Cingapura, Austrália, Califórnia, Hungria, Áustria, entre outros.

Nunca peguei uma espelunca. Já fiquei em lugares que gostei mais do que outros, mas de uma maneira geral sempre fiquei satisfeita. A única vez que tive um problema foi na minha última viagem, para Carmel, na Califórnia, quando a reserva do quarto que eu havia feito foi cancelada um dia antes da minha chegada. Tive que apelar para um hotel na última hora, mas o dinheiro voltou inteiro para mim no dia seguinte.

Mas vamos aos prós e contras deles…

> Preço

Neste quesito o que vai fazer a diferença na realidade é o seu orçamento. Há opções mais em conta e outras com preços astronômicos nos dois casos. Se você está disposto a ficar em um quarto de uma casa particular, sem alugar o local inteiro, provavelmente encontrará preços mais baixos no Airbnb do que em hotéis. Se quiser o local inteiro para você para ter mais privacidade, pode até ser mais barato ficar em um hotel.

Continua após a publicidade

Na minha experiência, em grande cidades ou em datas concorridas, como final de ano ou finais de semana de corridas de F-1, por exemplo, encontrei preços melhores no Airbnb. Para períodos mais longos, também acho que alugar um local vale mais a pena, especialmente porque muitos proprietários oferecem descontos para quem se hospeda por mais de uma semana.

Vale lembrar também que mesmo que você alugue apenas um quarto em uma casa de família em geral a cozinha é colocada à disposição, ou seja, é possível economizar em alimentação também _claro que se você estiver disposto a fazer algumas refeições em casa.

 > Segurança

Neste quesito os hotéis são uma aposta mais garantida.

Nunca tive problemas com segurança nas vezes que usei o Airbnb, nem ouvi relatos de problemas de amigos que já tenham feito o mesmo. Mas não dá para comparar a segurança de um hotel, que tem funcionários 24 horas trabalhando, com o de uma casa.

Além disso é preciso que você confie na pessoa para poder deixar seus pertences durante a estadia. O Airbnb oferece reembolsos em vários casos e é sempre bom também ler os comentários de quem já ficou hospedado para saber de eventuais problemas. É legal também fazer os seus próprios comentários depois de uma estadia para ajudar outros futuros hóspedes.

Continua após a publicidade

hotel-8

> Limpeza

Este é outro ponto delicado. Alugar uma casa e encontrar um banheiro sujo, por exemplo, pode acabar com uma viagem para mim.

Aí os hotéis mais uma vez levam vantagem, já que têm funcionários especificamente para esta tarefa. As casas de aluguel sempre cobram uma taxa de limpeza, mas duvido que sempre paguem alguém para fazer isso.

Dos lugares que já fiquei, não tive queixas neste quesito. Alguns lugares eram mais limpos e organizados que outros, mas nunca tive nojo de pisar numa banheira, por exemplo, como já aconteceu em alguns hotéis.

Mais uma vez, a dica é olhar bem as fotos e ler os comentários com atenção. O Airbnb também coloca um aviso em casas mais populares, dizendo que você está vendo um “achado”. Sempre é bom ficar de olho nisso porque é a indicação de que o local já foi usado por muita gente.

Continua após a publicidade

> Experiência

Este é um ponto que depende muito do que você espera da sua viagem e qual seu objetivo. Se está numa viagem de trabalho e quer praticidade, um hotel é provavelmente sua melhor opção. Se está numa viagem de férias e quer ter uma experiência mais parecida com a de um local, alugar uma casa pode ser bem bacana.

Eu adoro ter a sensação de que estou “morando” nas cidades que visito e gosto de fazer programas normais, como ir ao supermercado, às feiras de produtos orgânicos e afins. Claro que o fato de eu adorar cozinhar também conta para eu preferir ficar em casas do que hotéis quando viajo à passeio. Outra coisa bacana é ter mais espaço de convivência. Em um hotel geralmente estamos confinados ao quarto ou então temos as áreas comuns a todos os hóspedes.

Outro ponto a se considerar é a possibilidade de conhecer novas pessoas. Alugando um quarto na casa de alguém você muito provavelmente conhecerá o dono. Aí é aquela coisa, a pessoa pode ser super legal, te dar dicas locais e quem sabe até tornar-se um amigo. Ou, se você tiver azar…

E você, onde prefere se hospedar? Já teve problemas ao alugar casas/apartamentos?

beach-house

Continua após a publicidade

 

 

 

Publicidade