Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Três em um

“Continuo entendendo que foi um julgamento eminentemente político, que condenou os companheiros sem provas, baseado em indícios, suposições e presunções, que ampliou a teoria do domínio do fato, que é uma coisa totalmente despropositada”. Rui Falcão, presidente do PT, ao comentar a aceitação dos embargos infringentes pelo STF, pronto para pedir ao chefe Lula que […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 05h20 - Publicado em 24 set 2013, 17h52

“Continuo entendendo que foi um julgamento eminentemente político, que condenou os companheiros sem provas, baseado em indícios, suposições e presunções, que ampliou a teoria do domínio do fato, que é uma coisa totalmente despropositada”.

Rui Falcão, presidente do PT, ao comentar a aceitação dos embargos infringentes pelo STF, pronto para pedir ao chefe Lula que obrigue Dilma Rousseff a publicar uma Medida Provisória transformando os três Poderes em Executivo, Executivo e Executivo.

Publicidade