Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Pode, mas não pode

Nunes Marques avisa que pode ser pior do que se imaginava

Por Augusto Nunes Atualizado em 14 dez 2020, 13h17 - Publicado em 8 dez 2020, 14h12

“É por isso que admito a inovação interpretativa adotada pelo relator, como parte de um romance em cadeia, segundo o qual é possível nova eleição subsequente para o mesmo cargo na Mesa Diretora, independentemente se na mesma ou em outra legislatura. Contudo, desacolho a possibilidade de reeleição para quem já está na situação de reeleito consecutivamente, sob pena de ser quebrada a coerência que dá integridade ao Direito e ser aceita, na verdade, reeleição ilimitada, que não tem paralelo na Constituição Federal”. (Kassio Nunes Marques, ministro do STF, explicando em juridiquês malandro que a Constituição deveria ser respeitada num caso, mas poderia ser estuprada em outro, e justamente por isso, votava contra possibilidade de reeleição de Rodrigo Maia para a presidência da Câmara, mas a favor da continuação de Alcolumbre na presidência do Senado)

+ Receba notícias de VEJA no Telegram

Publicidade