Clique e assine a partir de 9,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Neurônio avariado

Dilma culpa Bolsonaro e Sergio Moro pelo massacre em Suzano

Por Augusto Nunes - 15 mar 2019, 21h02

O porte de armas irrestrito e amplamente liberado a toda população vai dar instrumento para que o assassinato massivo se torne endêmico e cotidiano. A lei anticrime do minisro Moro é o encontro marcado com tragédias como a de Suzano”. (Dilma Rousseff, no Twitter, ao culpar pelo massacre na escola em Suzano a liberação do porte de armas, que ainda não aconteceu, e a lei anticrime proposta por Sergio Moro, que ainda não foi aprovada, fingindo esquecer que o recorde de mortes em ataques do gênero foi alcançado em 2011, quando ela desgovernava o país, com os 12 assassinatos na escola em Realengo, no Rio)

Publicidade