Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Memória perigosa

“Parabéns, dona Mônica… Ops, desculpe-me. Parabéns, dona Verônica”. Eduardo Braga, senador pelo PMDB do Amazonas e líder do governo na Casa do Espanto, ao cumprimentar Verônica Calheiros pela vitória do maridão, confundindo a mulher de Renan com a ex-amante Mônica Veloso. “Você viu? Ele trocou o meu nome… Mas é fácil trocar o nome… A […]

“Parabéns, dona Mônica… Ops, desculpe-me. Parabéns, dona Verônica”.

Eduardo Braga, senador pelo PMDB do Amazonas e líder do governo na Casa do Espanto, ao cumprimentar Verônica Calheiros pela vitória do maridão, confundindo a mulher de Renan com a ex-amante Mônica Veloso.

“Você viu? Ele trocou o meu nome… Mas é fácil trocar o nome… A gente tem que tocar a vida, né?”

Verônica Calheiros, depois que Eduardo Braga abandonou às pressas o local da gafe, explicando a Marly Sarney, ao seu lado, por que não ficará surpresa se, no próximo encontro com o casal Lula, o senador amazonense chamar Marisa Letícia de “Dona Rose”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    f tavares

    – ´é esse o pedágio que paga o idiota pra casar com a verônica e namorar a mônica… pergunta se alguém vai confundir rosemary com marisa letícia???

    Curtir