Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Lula pode decidir a eleição em São Bernardo

Para garantir a vitória de um candidato, o ex-presidente só precisa apoiar o outro

Por Augusto Nunes Atualizado em 30 jul 2020, 21h28 - Publicado em 28 out 2016, 14h40

Atualizado às 15h40

Na primeira etapa da eleição em São Bernardo do Campo, Lula protagonizou um fiasco histórico. Seu filho Marcos Cláudio, com apenas 1.504 votos, não conseguiu reeleger-se vereador. E o candidato do PT à prefeitura, Tarcísio Secoli, estacionou no bisonho terceiro lugar e nem sequer chegou ao segundo turno. 

Nesta quarta-feira, o ex-presidente avisou que vai dispensar-se de votar no domingo porque já passou dos 70 anos. A decisão informa que continua grogue com o nocaute ocorrido no berço político do PT: alguém deveria lembrar-lhe que está desperdiçando a chance de decidir a disputa entre Orlando Morando, do PSDB, e Alex Manente, do PPS.

Se quiser impedir que o prefeito seja um tucano, por exemplo, basta apoiar publicamente Orlando Morando, que até agora lidera com folga as pesquisas eleitorais. Com Lula como adversário, Alex Manente poderia começar a preparar a festa da vitória.

http://videos.abril.com.br/veja/id/abf5f5f229224a0769db5ca4f81f3f62?

 

Continua após a publicidade

Publicidade