Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Aula de cinismo

“O candidato a governador Geraldo Alckmin prometeu rever as tarifas dos pedágios, porque há alguns casos em que a população acaba pagando mais, mesmo. Só essa constatação serviria para atestar o fracasso da privatização de estradas feita pelo PSDB na década de 1990. Em dez anos, as concessionárias passaram a registrar altos ganhos”. José Dirceu, […]

“O candidato a governador Geraldo Alckmin prometeu rever as tarifas dos pedágios, porque há alguns casos em que a população acaba pagando mais, mesmo. Só essa constatação serviria para atestar o fracasso da privatização de estradas feita pelo PSDB na década de 1990. Em dez anos, as concessionárias passaram a registrar altos ganhos”.

José Dirceu, em 25 de agosto de 2011, ensinando num artigo publicado em seu blog que concessão é a mesma coisa que privatização.

“Há que se diferenciar concessão de privatização”.

José Dirceu, nesta quinta-feira, ensinando num artigo publicado em seu blog que concessão não é a mesma coisa que privatização.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    adilson batista

    Essa “dotôra” presidente quando abre a boca a Língua Portuguesa desmaia. Aproveitando: o ministro da justiça quando abre a boca mostra toda a sua imcompetência para o cargo que exerce. Leia-se o comentário de Otávio, abaixo. Perdão, ele é petista.

    Curtir