Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Augusto Nunes (6ª e última parte): “Quando me encontrou no Jornal do Brasil, o Zé Dirceu só disse o seguinte: ‘Oi, chefe’”

“Um profissional pode ser independente em qualquer veículo. Sempre que aparece um trabalho sujo na imprensa, existe a mão de algum jornalista. Patrão não escreve. Manda escrever”.

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 11h20 - Publicado em 19 jul 2011, 12h10

“Um profissional pode ser independente em qualquer veículo. Sempre que aparece um trabalho sujo na imprensa, existe a mão de algum jornalista. Patrão não escreve. Manda escrever”.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=XFse-v1UbS8?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&w=425&h=344%5D

Publicidade