Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

O que são os remédios à base de maconha? VEJA Explica

A liberação dos medicamentos não significa que o plantio será permitido no Brasil - o consumo recreativo da droga continua sendo ilegal

Por Da Redação - Atualizado em 5 dez 2019, 18h19 - Publicado em 4 dez 2019, 20h32

Esta semana a Anvisa anunciou que o uso da maconha medicinal será permitido no país. O medicamento usa apenas parte dos componentes ativos da planta e é eficaz no tratamento de diversas doenças neurológicas, entre elas a epilepsia, esclerose múltipla, mal de Parkinson, entre outras.Mas a liberação não significa que será possível plantar maconha no país para se produzir o medicamento. A matéria prima precisa ser importada. Inclusive o consumo recreativo da droga no Brasil continua sendo ilegal.

Nos últimos 20 anos vários países países legalizaram o uso de medicamentos a base de maconha, entre eles estão Israel, Canadá, Porto Rico, Chile Colômbia, Uruguai e quase 30 dos 50 estados nos Estados Unidos.

Agora, o Brasil passa a fazer parte desse grupo.

Publicidade