Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Instagram venderá fotos de usuários a anunciantes

Mudança em termos de uso do serviço dá à companhia, adquirida pelo Facebook neste ano, o direito de comercializar conteúdo publicado pelo usuário

O Instagram mudará seus termos de uso a partir do dia 13 de janeiro de 2013. A alteração mais significativa em suas políticas está no capítulo que diz respeito ao direito das fotos publicadas pelos usuários na rede. Segundo a atualização do documento, o Instagram poderá vender as imagens a anunciantes sem notificar o usuário ou compensá-lo financeiramente por uma campanha publicitária.

Leia também:

Facebook altera controle de privacidade. De novo

Os novos termos de uso também permitirão ao Instagram compartilhar informações de perfis com o Facebook. A rede social adquiriu o serviço em abril deste ano por 1 bilhão de dólares. Na ocasião, a compra foi anunciada pelo próprio Mark Zuckerberg em seu perfil.

Os dados dos usuários do Instagram poderão ainda ser compartilhados com outros parceiros ou com agências de publicidade, de acordo com a atualização dos termos da empresa.

Na última semana, Carolyn Everson, vice-presidente de soluções para marketing global do Facebook, disse que a companhia estava buscando uma maneira de tornar o Instagram rentável. Esse é, portanto, o caminho encontrado pela rede para recuperar o investimento bilionário feito na plataforma meses atrás.

As novas regras só se tornarão vigentes a partir de 13 de janeiro e não poderão ser aplicadas a fotos publicadas na plataforma até essa data. Com a mudança, o Instagram poderá também mostrar em campanhas publicitárias, o que inclui anúncios no Facebook, nomes de usuário e atividades como “curtir” uma foto.

Os usuários com mais de 13 anos poderão se cadastrar no serviço, mas ao aceitar os termos de uso, condição obrigatória para a criação de uma conta, seus pais concordarão automaticamente com as novas práticas.

O novo termo de uso também deixa claro que nem toda publicidade exibida no Instagram ou no Facebook terá identificação explícita de anúncio. As regras são válidas para todas as plataformas nas quais o Instagram opera: mobile, Facebook e web.

As alterações que serão realizadas nos termos de uso do Instagram já estão disponíveis no site da companhia em inglês.