Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vitamina B pode ajudar a produzir colesterol bom

Além de impedir que o HDL saia do sangue, o que já havia sido observado, vitamina é capaz de aumentar sua produção

Manter bons níveis de HDL, ou do ‘colesterol bom’, pode ajudar a afastar os riscos de doenças cardíacas, evitando problemas como infartos ou derrames. Garantir quantidades suficientes de HDL no sangue depende de um estilo de vida saudável, e, segundo um novo estudo feito na Faculdade de Medicina da Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, um bom caminho para conquistar o bom colesterol é consumir mais vitamina B. A pesquisa foi publicada recentemente no periódico Metabolism, Clinical and Experimental.

Saiba mais

POR QUE O HDL FAZ BEM?

O colesterol é importante para o organismo para sintetizar vitaminas e hormônios, mas eles não circulam livremente pelo sangue. Para fazer isso, é preciso que se juntem às lipoproteínas, como a HDL (sigla para high density lipoproteins, ou lipoproteínas de alta densidade) e a LDL (low density lipoprotein, lipoproteínas de baixa densidade). A HDL impede que a LDL forme placas de gordura nas artérias que dão origem à ateroesclerose, diminuindo ou obstruindo o fluxo sanguíneo, provocando infartos ou derrames. As pessoas podem aumentar seus níveis de HDL alterando o estilo de vida: é preciso se manter dentro do peso ideal, consumir alimentos saudáveis, abandonar ou evitar o tabagismo e praticar exercícios. Segundo a American Diabetes Association, os níveis de HDL devem ser de pelo menos 50 miligramas por decilitro de sangue nas mulheres e de 40 nos homens. Níveis acima de 60 protegem contra doenças cardíacas.

VITAMINA B

É um complexo que abrange várias vitaminas, entre elas a B1, B2 e B12. De uma maneira geral, essas vitaminas ajudam a evitar anemia e também na manutenção do sistema nervoso. Podem ser encontradas principalmente em gordura animal, no leite e em alguns grãos. Por isso, é comum que vegetarianos tenham deficiência em relação a esse nutriente. A recomendação diária da vitamina B12, por exemplo, é de 2,4 miligramas, que pode ser encontrada em 150 gramas de carne vermelha ou em dois ovos.

Muitos médicos recomendam um dos tipos da vitamina B, o chamado ácido nicotínico, para ajudar a manter a produção de HDL alta. Essa substância é utilizada pelo corpo para transformar carboidratos em energia, e pode ser encontrada tanto em alimentos quanto em suplementos vitamínicos. Estudos anteriores haviam sugerido que o ácido impede a remoção do bom colesterol do sangue, mas, dessa vez, a nova pesquisa indica que a substância exerce um papel ainda mais importante nesse sentido. Ela, de acordo com a análise, também aumenta a produção de HDL no fígado e no intestino delgado.

No estudo, os pesquisadores testaram células de fígado e de intestino humano. Eles descobriram que o ácido nicotínico aumentou a atividade de um gene que produz a apolipoproteína A-1, que é o principal componente da HDL. Além disso, os cientistas também conseguiram identificar a região específica do gene que produz novos HDL.

De acordo com os especialistas, esse estudo pode ajudar na fabricação de novos medicamentos que aumentem o bom colesterol no sangue. Até hoje, as drogas que buscaram esse benefício apresentaram vários efeitos colaterais.