Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Estado de saúde do prefeito Bruno Covas é irreversível, dizem os médicos

Covas está internado há duas semanas no Hospital Sírio-Libanês para o tratamento de um câncer metastático, está sedado

Por Adriana Dias Lopes Atualizado em 14 Maio 2021, 20h09 - Publicado em 14 Maio 2021, 19h55

Internado há duas semanas, o prefeito licenciado de São Paulo Bruno Covas (PSDB) teve hoje seu estado de saúde agravado. Os médicos, por meio de boletim, afirmaram ser um “quadro irreversível” . Covas está neste momento no quarto acompanhado pela família. Foi sedado.

Ele luta contra um câncer desde outubro de  2019. O tumor foi então diagnosticado na cárdia, região de transição entre estômago e esôfago, com metástase no fígado e nos linfonodos. Desde então, vem sendo submetido a um intenso tratamento contra a doença, que recentemente atingiu os ossos.

A mais nova terapia dada pela equipe médica do Hospital Sírio-Libanês consiste na combinação de imunoterapia e quimioterapia. Recentemente, passou a  receber complemento nutricional parenteral (administração de nutrientes pela veia), para garantir o aporte de proteínas e carboidratos.

No dia 2 de maio, Covas pediu licença do cargo da prefeitura por sentir que seu ritmo de trabalho não estava como ele gostaria.

Covas está sendo tratado pela equipe coordenada por David Uip, Artur Katz, Tulio Pfiffer, Raul Cutait e Roberto Kalil.

Continua após a publicidade
Publicidade