Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Covid-19: Média móvel de mortes atinge menor patamar desde março

Nesta quarta-feira, o índice de vítimas do levantamento de VEJA chegou ao valor mais baixo dos últimos quatro meses

Por Alexandre Senechal Atualizado em 7 jul 2021, 19h37 - Publicado em 7 jul 2021, 19h36

O Brasil não registrava uma média móvel de mortes por Covid-19 tão baixa há exatos quatro meses. O índice de 1.496,3 óbitos em média apresentado no levantamento de VEJA nesta quarta-feira, 7, foi o menor desde os 1.495,6 do dia 7 de março. É, portanto, a primeira vez que o país perde menos de 1.500 por dia no período.

O cálculo de médias móveis feitos para o levantamento de VEJA consiste em somar todos os registros dos últimos sete dias e dividir o total por sete. Assim, é possível ter uma visão ampla do atual momento da pandemia. Os gráficos ao final da matéria mostram a evolução diária da média móvel no Brasil, nas cinco regiões geográficas, nos 26 estados da Federação (mais o Distrito Federal) e nas 27 capitais do país.

O país passa por um momento de queda consistente na pandemia. Tanto a média móvel de casos quanto a média móvel de mortes, o Brasil vem registrando uma retração nos índices – um cenário que já dura mais de uma semana. A aceleração do processo de vacinação ajuda a amenizar a situação pandêmica e começa a ser sentido nos números de contaminados e vítimas.

Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 54.022 novos diagnósticos positivos e 1.648 novos óbitos por Covid-19. Em toda a pandemia, são 18.909.037 contaminados pelo vírus e 528.540 vítimas fatais em todo o território nacional.

Confira a média móvel da pandemia da Covid-19 no Brasil, nas cinco regiões do país e em todos os Estados:

Confira a média móvel da pandemia da Covid-19 nas 27 capitais brasileiras, separadas em suas regiões*:

Continua após a publicidade
Publicidade