Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Silvio Almeida defende uso de câmeras em operações policiais

O ministro dos Direitos Humanos afirmou que o equipamento é uma ferramenta essencial para defender a vida

Por Leonardo Caldas
4 fev 2023, 21h30

A discussão sobre o uso de câmeras em fardas policiais deve entrar em um debate conjunto entre os ministérios da Justiça e dos Direitos Humanos. Recentemente, o ministro dos Direitos Humanos e Cidadania, Silvio Almeida, divulgou uma nota em que demonstrou preocupação com o anúncio do secretário de Segurança de São Paulo, Capitão Derrite, de rever o Programa Olho Vivo, que resultou em uma redução da letalidade policial.

Em 2021, a Polícia Militar de São Paulo lançou o programa que oferece um sistema de câmeras corporais acopladas ao uniforme dos agentes para gravar a rotina de trabalho. Os dados mostram que nas áreas em que as câmeras são usadas diminuiu o número de mortes e casos de lesão corporal também foram mais raros.

Em entrevista a VEJA, o ministro destacou que a questão é uma “luta ideológica” e que as câmeras são fundamentais na garantia da vida dos policiais e da população. Para Sílvio Almeida, o equipamento permite a lisura do processo e evita eventuais violações dos direitos humanos.

“Não é porque a gente quer, mas porque a gente tem uma Constituição e toda uma comunidade que vai dizer que é preciso proteger a vida das pessoas. Se a câmera protege a vida das pessoas, a câmera vai ficar”, enfatizou Silvio em referência às declarações de Derrite.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.