Clique e assine a partir de 9,90/mês

FHC: Presidente que não entende a força do Congresso pode cair

Em meio a atritos entre Planalto e Maia, ex-presidente diz que 'maltratar a Câmara é caminho para o desastre'

Por Da Redação - Atualizado em 25 Mar 2019, 06h44 - Publicado em 25 Mar 2019, 02h13

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (FHC) se manifestou neste domingo 24, sobre os atritos entre o Planalto e a Câmara dos Deputados, expostos por declarações recentes do presidente da Casa, Rodrigo Maia e membros do governo, como o próprio presidente Jair Bolsonaro. Maia criticou a falta de empenho para aprovação da reforma e disse que Bolsonaro deveria dedicar mais tempo ao projeto e “menos ao Twitter“.

Em seu Twitter, FHC afirmou que “os partidos são fracos, o Congresso é forte. Presidente que não entende isso não governa e pode cair”.

Sem citar nominalmente Bolsonaro e Maia, o ex-presidente disse que “maltratar quem preside a Câmara é caminho para o desastre. Precisamos de bom senso, reformas, emprego e decência. Presidente do país deve moderar, não atiçar”.

Durante sua viagem ao Chile, Bolsonaro justificou os atritos com o Congresso dizendo que muitos parlamentares não querem largar a “velha política”, o que relaciona a trocas de cargos e favores por votos.

Maia chegou a afirmar que as diferenças com o governo são “página virada”, mas ao longo do fim de semana classificou o governo como um “deserto de ideias”, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

Publicidade